Página Principal

Mestre Samael

 Mestre Rabolu

Mantrans

Livros

Figuras

Menu
O que é gnose
Introdução aos 3 Fatores
O 1 Fator da Revolução
O 2 Fator da Revolução
O 3 Fator da Revolução
A tarefa ao estudante
Alerta aos jovens
O poder da Mãe Divina
Chave para o resgate
Mensagem a juventude
O sofrimento
Vantagem de estar desperto
O matrimonio e o amor
Educação Infantil
Conexão Interna
A disciplina
Entrevista com o Mestre Rabolu
A mitomania
Poder do Chacra Cardíaco
Rebeldia Psicológica
Por que nos auto conhecer?
Judas Iscariotes
A família
Clarividência e Pseudo Clarividência
Os 3 caminhos que se abrem ao desencarnado
Mensagem as Damas Gnósticas
A obediência
O Pecado contra o Pai e o Espírito Santo
Alma e Espírito
Origem do Eu
O Iniciado
Igreja Gnóstica
Descenso ao Abismo
Simbolismo do Natal
Práticas
Auto Observação
Forças Cósmicas
Dança dos derviches
Defesa e proteção
Relaxamento e Concentração
Desdobramento astral
Desdobramento mental
Meditação
Sublimação para  solteiros
Intuição
Morte em marcha
Concentração para o dia
Mantrans e as objeções
Despertar nos sonhos
A não  Identificação Diária
Como recordar dos sonhos?
Simbolismo e prática da cruz
Desdobramento Astral - O Saltinho
Emoções superiores
Biografia
Mestre Samael
Mestre Rabolu 
Download
Livros Mestre Samael
Livros Mestre Rabolu
Mantrans
Figuras esotéricas
 Vídeos
Mestre Samael e Rabolu
Viagem Interior  
Mensagens para reflexão
Contato
E-mail

Obrigado pela visita!

Deixe sua mensagem!

 

 

 
 

Existem dois tipos de trabalhos: o externo e o interno.

O trabalho exterior serve para sustentar o nosso corpo físico e nos desenvolver na sociedade.

Com ele uma pessoa pode ser um cientista, advogado, professor, técnico, dono (a) casa etc., e com a morte tudo se perde e na próxima existência temos que recomeçar tudo novamente.

Com este trabalho a pessoa poderá no máximo ser um cidadão brasileiro ou planetário dependendo de sua importância e nunca chegará ao verdadeiro sentido de sua existência, como porque existimos, porque estamos aqui, onde estávamos antes de nascer e onde estaremos após a morte.
Por mais que a pessoa se dedique e seja um bom profissional, dono (a) casa, bom pai de família e cumpridor fiel de suas obrigações, sempre será um ilustre desconhecido para si mesmo.
Se pararmos para refletir, veremos que é incoerente dedicarmos anos e anos de nossas vidas para conhecer como funciona determinada máquina, para aprendermos uma profissão e nos atualizar, acumularmos tantas informações a respeitos de múltiplas coisas e não sabermos nada a respeito de nós, como por exemplo, aonde vivemos nas existências anteriores e até mesmo ignoramos isto e achamos uma crendice.

Existe um outro trabalho que se chama trabalho interior.
Com o
trabalho interior podemos conhecer a nós mesmos e desenvolver as múltiplas capacidades latentes em cada um de nós, como os sentidos internos hoje atrofiados. Na atualidade a humanidade tem 05 sentidos apenas e lentamente estes sentidos também estão se atrofiando ou sendo perdidos e poderíamos ter 12 sentidos no total, o que permitiria percebermos o universo tal como ele realmente é, e não como aparenta ser.
Com o
trabalho interno podemos dominar a nossa psique (rei de si mesmo), desenvolver veículos superiores para nos desenvolvermos em outras dimensões da natureza e redescobrir a nossa vocação e verdadeiramente ajudar a humanidade.
O
desenvolvimento interno é a única chave para o nascimento dos grandes gênios, verdadeiros cientistas e filósofos, autênticos místicos e artistas.

Foi com o trabalho interior que surgiu, entre tantos, Da Vinci, Miguelangelo, Bethoveen, Mozart, Paracelso, Galeno, Sócrates, Aristóteles, Platão, Freud,  São Francisco de Assis, Jesus, Buda, Samael, Rabolu e também poderá surgir VOCÊ.


SIM VOCÊ!!!
Dentro de cada um de nós existe um
Mestre, um Espírito Divino Individual, o nosso Real Ser.
Quem encarna ou chega até seu Real Ser se eterniza e cristaliza dentro de si todo o conhecimento do universo e se transforma num cidadão cósmico, um super homem, e transcende a morte.
Para chegarmos até ao nosso
Real Ser e realizarmos o chamado reli gare, temos que decifrar o enigma da Esfinge - Decifra-me ou te devoro.
Para não sermos devorados e deciframos o real sentido da nossa existência e da criação, somente é possível com o trabalho sobre si mesmo.

O trabalho interior é a chave da Grande Rebelião e o objetivo deste site é deixar disponível algumas informações básicas para quem se interessar a conhecer as ferramentas da revolução interna.

 

 
 

Viagem interior, auto-conhecimento, desdobramento astral e Meditação - Veja vídeo Mensagens para reflexão - vídeos

Mensagem para as damas gnósticas: A  mulher com seu corpo feminino pode chegar a Liberação, a converter-se
em uma grande Hierarquia. Isso de que deve desencarnar e vir num corpo masculino para poder liberar-se é falso!
Leia Mais
Chave para despertar a consciência nos sonhos: Não precisamos destruir a mente com tantos livros e teorias. Nos mundos internos, podemos receber ensinamentos dos Mestres.Leia Mais
 Normas para despertar a consciência "Alguém desperta porque na prática do exercício produziu-se a centelha, produziu-se a chispa e ficou desperto. Agora, estando-se desperto no astral, pode-se invocar os Mestres. Pode-se chamar o anjo Anael, Adonai, o filho da luz e da alegria, o Mestre Kout-Humi... e eles virão para instruí-los, para ensiná-los..." Leia mais

Vídeos disponíveis no youtube do Mestre Rabolu e Mestre Samael  

 

Os Três  fatores sempre foi à síntese e princípio de todo ensinamento autêntico de toda época, não importando o nome do Mestre ou da escola e toda vez que um princípio espiritual afasta de sua origem, as pessoas se entregam a cultos, a personificar e seguir um Mestre e deixam de lado estes princípios.

Querer que alguém se desenvolvesse espiritualmente sem os 03 fatores é mesma coisa que querer que um pássaro voe sem asas ou um pedreiro construir uma casa, sem as ferramentas. Leia Mais

Primeiro fator da revolução da consciência é fator de sofrimento não ter o carro do ano, e sim o fato de ter este pensamento que faz sofrer”. Se eliminarmos este pensamento de dentro de nós, pergunto quem sofre então? S.A. W  Leia Mais 

 
   
   
Veja também:

“Este ensinamento para mim é tão grande porque ele ensina a  gente a viver” (Mestre Rabolú)